Fenômeno registrado em 29/04/2019 por volta das 07:29:24 (UTC) pela câmera TLP4 da estação de monitoramento de Florianópolis-SC.
A fase luminosa, que durou 0.133467 segundos, teve um pico de magnitude de -0.915144, iniciou-se no azimute 173.645691 com uma elevação de 52.10873° e altitude estimada de 98.67765 km sobre as coordenadas -28.262865, -48.507477.

O meteoro entrou na atmosfera com uma velocidade inicial estimada de 37.184338 km/s.
O trajeto visível desapareceu no azimute 173.003021 com 50.7327° de elevação e altitude provável de 93.009941 km sobre as coordenadas -28.255827, -48.499779.

A análise sugeriu também que este meteoro possivelmente pertence à chuva denominada beta Coronae Australids identificada pelo código 00146 CAU da IAU.


Referência: 1) Rudawska and Jenniskens, 2014