Fenômeno registrado em 30/11/2019 por volta das 07:09:20 (UTC) pela câmera TLP9 da estação de monitoramento de Florianópolis-SC.
A fase luminosa, que durou 0.333667 segundos, teve um pico de magnitude de 0.76944, iniciou-se no azimute 347.444214 com uma elevação de 48.693058° e altitude estimada de 102.59848 km sobre as coordenadas -26.817728, -48.782436.

O meteoro entrou na atmosfera com uma velocidade inicial estimada de 44.923725 km/s.
O trajeto visível desapareceu no azimute 343.965302 com 49.359901° de elevação e altitude provável de 91.401993 km sobre as coordenadas -26.926756, -48.803589.

A análise sugeriu também que este meteoro possivelmente pertence à chuva denominada 15 Cancrids identificada pelo código 00603 FCR da IAU.


Referência: 1) Rudawska and Jenniskens, 2014